O sabor da noite

Quanta aposta há numa só noite?

Quanta esperança de que seja “a” noite, aquela que vai mudar sua vida?

E quanta esperança em vão, de que nada vá mudar? Tudo muda à noite.

A noite inspira mais que o dia, pois é quando todos nos arrumamos e tentamos dar o melhor de si. Ou o pior de si. É quando nos entregamos por completo ou, em casos, quando colocamos nossas melhores máscaras.

A noite inspira poetas pois é nela que as pessoas depositam todas suas esperanças amorosas. A noite transpira amor.

Transpira desejo, também. Se pudéssemos extrair um pedaço da noite, veríamos que ela é constituída de todos os desejos do mundo, condensados.

À noite é quando sonhamos, acordados ou adormecidos.

Doce ou amarga, não importa. O importante é que tem sabor.

Um pensamento sobre “O sabor da noite

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s